Português Jurídico: pontuação e aspas

  • 13/jun/2019

Português Jurídico: pontuação e aspas

O uso da pontuação ao lado de aspas merece atenção. Seguem orientações.

 

1) Se a citação inicia e encerra o parágrafo, o ponto final é colocado antes das aspas.

Não vou admitir votos contra uma questão fechada do partido.”

 

2) Quando a citação não inicia, mas encerra o parágrafo, o ponto final fecha depois das aspas.

Na opinião do senador, “é imperiosa a aprovação da reforma fiscal”.

 

Observação: se houver dois-pontos antes da citação e o trecho citado termina com ponto, a pontuação final pode ficar antes ou depois das aspas:

O ministro disse à comissão: “Se todos estão de acordo, apresentarei o relatório na próxima reunião”.

O ministro disse à comissão: “Se todos estão de acordo, apresentarei o relatório na próxima reunião.”

 

3) Quando há citação dentro da citação, usam-se aspas simples.

“O presidente da República garantiu ‘uma solução negociada para o conflito’, portanto vou apoiá-lo.”

 

4) Quando a pausa coincide com o final da expressão ou sentença que se acha entre aspas, coloca-se o sinal de pontuação depois delas, se encerram uma parte da proposição.

Este é o orçamento de que dispomos”, afirmou o líder do partido governista.

 

Um abraço e boa semana!

 

Marcelo Paiva

Sobre o autor: Mestrando em Linguística e pós-graduado em Português Jurídico e Direito Público, Marcelo Paiva ministra cursos em diversos órgãos e empresas no Brasil e em Portugal (Supremo Tribunal Federal, Superior Tribunal de Justiça, Tribunal Superior Eleitoral, Tribunal de Contas da União, Ministério Público da União, Polícia Federal, tribunais regionais, Correios, HBO, University of Kentucky, Civic League of Boston, etc.). É autor de 32 livros e desenvolve cursos presenciais e a distância.

 

Saiba mais: Uso de att.




New Call-to-action


Guia Prático: baixe grátis

Nossos Apps

Nossas Redes Sociais